sexta-feira, janeiro 30, 2015

A criatividade petista em arrumar ferramentas de chantagem chega ao seu paroxismo com o bolsa-traveco. Explicando, considerando que uma pequena parte dos travesti se prostitui e, segundo conclusões de pesquisas de cientistas britânicos, a grande maioria de sua clientela é formada por "homens heterossexuais do sexo masculino e que gostam de mulher" os prostitutos beneficiados poderão, em 2016, chantagear seus clientes dizendo "ou votam no PT ou...". A conferir.

Li por acaso um artigo escrito por um tal Diogo Costa, a quem não conheço, Defende, debochadamente, que a gritaria, a respeito da tunga na correção das alíquotas e da defasagem do IR, é uma bobagem pois a maioria dos trabalhadores brasileiros é isento. Que seja, mas não li, em nenhum lugar no artigo, que a contrapartida pelo imposto pago é zero. Gostaria de saber qual seria a postura do governo se todos pagassem. Duvido muito que a putaria com o dinheiro do nosso imposto seria tão medonha e escrachada.

Quanto ao auxílio-desemprego. A mudança no pagamento do benefício já estava mais do que na hora.

E vamos em frente e avante.

sexta-feira, janeiro 23, 2015

Não foi só a Diulma que covardemente sumiu do mapa na esteira das novidades do seu governo PSDBista. Alguns alcaides e governadores também o fizeram, principalmente aqueles que apoiaram a reeleição da presidanta.

Os únicos que continuam na mídia, fora das páginas policiais por enquanto, são o prefeito e o governador de São Paulo. O primeiro alocando a escumalha rejeitada em cargos na prefeitura e o segundo não-nomeando-o-que-deveria-ser-nomeado, o racionamento de água.

Quero ver como fica o apoio com o fechar da torneira do (nosso) dinheiro, usado pelas quadrilhas políticas espalhadas pelo país.

Enquanto isso, com o cenário tenebroso que se vislumbra, apertemos nós, os cintos.

PS: Cadê os petistas que vinham aqui?

terça-feira, janeiro 20, 2015

Cadê o petista que estava aqui? Escafedeu. Gostaria muito de saber a opinião abalizada e tranquilizadora daqueles que votaram na anta ignoranta da diulma, com medo de aumento de impostos, apagões e falta d'água. Só para lembrar:

A lista de ministros é uma das mais bizarras desses país. Segurança, saúde e educação foram colocadas sobre a batuta de incapazes;

Ocultaram que a falta de água, que afetava São Paulo e era culpa da falta de planejamento do Alckmin, iria impactar a geração de energia, sem contar que construir uma hidrelétrica sem construir uma rede de distribuição é uma ode à incompetência. O que antes era culpa do governo agora é culpa de Deus. Amém?

Os impostos, ah os impostos. Para cima e avante.

E a cereja do bolo, aumento de mais de R$ 0,20 centavos no preço da gasolina, quando o preço do combustível cai no mundo INTEIRO. Não esqueçam os petistas impávidos que diesel é combustível terá seu preço majorado e tua passagem de ônibus vai aumentar, De novo.

E isso que mal começou o ano.

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics