terça-feira, julho 21, 2015

Diagnosticada com mitomania, Dilma Disgrace se mantém viva graças a uma droga experimental, cujo efeito rebote a faz discursar bobagens de improviso. Após passar anos lutando com a doença e com os efeitos da medicação, ela é forçada pelos pais a participar de um grupo partidário de esquerda. Lá, conhece Moluscus Waters da Silva, um sujeito eneadáctilo que também sofre com mitomania. Os dois possuem visões muito diferentes de suas doenças: Disgrace preocupa-se apenas com a dor que poderá causar aos outros. Quanto maior a dor no bolso do povo infligida, melhor. Já Moluscus sonha em deixar a sua própria marca no mundo e angariar fundos de fontes escusas, "duela a quien duela". Apesar das diferenças, eles se apaixonam perdidamente pelo poder. Juntos, atravessam os principais conflitos partidários e da partilha do primeiro bilhão de dólares, enquanto lutam para se manter ricos e longe da prisão.

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics