quinta-feira, agosto 18, 2011

A vaidade e o rancor, dois dos pecados capitais, norteiam o relativo sucesso que as operações contra a corrupção tem obtido. Somente lobistas vaidosos utilizariam-se de regalias especiais para desfrutar da companhia de seus pares, pares na roubalheira. E o que tem de ex-tudo chutando o balde não está no mapa.

Pena que as virtudes não sejam a mola propulsora desta luta inglória, caso fossem tenho certeza que há muito teríamos reduzido o volume de dinheiro desviado nesse país.

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics