quarta-feira, maio 19, 2010

Obviamente, como hipertenso, não poderia deixar de procurar a razão por trás da falta de medicamentos nos postos de saúde municipais de Florianópolis.

O que acontece é o seguinte: Ano passado a prefeitura contratou, sem licitação, a apresentação do Andrea Bocelli na semana das festas de fim de ano na capital. A dispensa de licitação, causada pela exclusividade da empresa fornecedora ou suposta exclusividade, suscitou supostas suspeitas. E melaram a parada.

Resumindo, como não conseguem explicar esse rolo, o governo estadual bloqueou automaticamente o repasse de recursos. Isso afeta todos os projetos em andamento. Inclusive projetos fundamentais para minorar o caos no trânsito na ilha. E, imagino eu, os repasses para compra de medicamentos.

E foi bizarra a declaração, no mínimo estranha, do secretário da fazenda do município, tentando explicar o inexplicável. Ele disse que não sabe porque bloquearam os recursos, já que o show vai acontecer em alguma data futura não sabida. E que um dos projetos para as vias públicas, a do trevo da seta, é de responsabilidade estadual, apesar do prefeito ter alardeado-a como projeto municipal.

terça-feira, maio 18, 2010

De tanto ler e escrever sobre as putarias do mundo político brasileiro, acabei hipertenso. Como não sou tão otário assim, pego o medicamento para essa josta no posto de saúde.

Desde o mês passado este medicamento, o Losartana 50mg, está em falta. Apesar de ser um contratempo, uma palavra não tão forte como eu gostaria de dizer, pelo menos o pessoal do PS tinha a gentileza, óbvia, de deixar um aviso no quadro alertando aos usuários quais medicamentos estavam faltando.

Hoje voltei ao PS, olhei para o quadro de avisos e nada tinha lá, nenhuma lista nada. Imaginei, ingenuamente, que os remédios faltantes tinham chegado. Para minha surpresa não.

Mas o mais bizarro foi a explicação para a ausência do aviso. Supostamente, é uma orientação da secretaria municipal de saúde de Florianópolis, a ilha da magia, a cidade da qualidade de vida, enfim, uma ilusão, para encobrir ou a incapacidade de compra dos medicamentos, ou a incompetência na gestão da saúde municipal. Essa explicação me foi dada em off, pois aparentemente houve uma denúncia do caso na mídia e uma suposta ameaça de punição caso o funcionário falasse "demais".

Afinal, por que encobrir?

sexta-feira, maio 14, 2010


Em coletiva ontem, mantegna, o cão de guarda palaciano, declarou, ufanista e orgulhoso, que o governo vai fazer o dever de casa e reduzir o custeio "púbico", para não comprometer as metas de inflação. "Vamos cortar na carne. Serão R$ 10 Bi em reduções", declarou impávido colosso, ao nosso comentarista eco-político Glênio Gangorra.

Uma jornalista, que não sei o nome, retrucou dizendo que R$ 10 Bi era muito pouco para fazer a diferença. O nababo, em sua tréplica debochada, disse: "O Brasil é realmente um país rico, pois R$ 10 Bi não é muito dinheiro".

O que ninguém disse para o senhor ministro, na hora, é que a previsão da gastança com a máquina "púbica" para este ano beira os R$ 650 Bilhões. A redução, o sacrificante corte na carne, representa troco nessa montanha de dinheiro. Menos de 1,5%.

Por que nossos jornalistas ministeriais não são tão agressivos quantos os jornalistas esportivos?

terça-feira, maio 11, 2010

Tuma Jr, babando como ele mesmo disse, vai entrar de férias para cuidar de sua defesa na comissão de ética de 20%. Lula, o camarada, não viu nenhum fato novo que justificasse um pé na bunda. Em resumo, não considera a tentativa de aliviar uma cana dura como relevante. Tem pai que é cego.

Cândido Vaccarezza (PT-SP), líder do governo na pocilga saiu-se com a pérola de antecipar o recesso branco para o período da copa do mundo. Tudo bem que entendo que em dia de jogo do Brasil não se tem clima para porra nenhuma, mas estender a vagabundagem para o resto da semana é, no mínimo, uma imoralidade. Mas não satisfeito defende o tal recesso alegando que "dePUTadO trabalha muito". VTNC.

O Projeto Ficha Limpa vai para o $enado, que por razões regimentais, quer dizer, por pura sacanagem burocrática, não vai conseguir votar no prazo necessário para valer nessa eleição, isso se o TSE entendesse que valeria para este ano. Vai depender de uma mãozinha suja de $enadore$ para que se quebre o protocolo e passem na frente. Vou assistir sentado para não cansar.

sexta-feira, maio 07, 2010

O pragmatismo de lula é obtuso. Antes um "guerreiro da liberdade" imagino que foi convencido, ao longo dos anos que tentou a mamata da presidência, pelas empreiteiras. Convencido ou doutrinado. Se não me falha a memória estas empreiteiras são as mesmas que há anos, ou décadas, vem mamando nos úberes fartos do governo, qualquer governo. Então lula pensou. Fato raro. E concluiu que ir contra as "forças democráticas" seria um tiro no pé. Para aplacar a ira da ala renovadora e progressista do partido, colocou uns celerados, celso amorim, marco toptop garcia e outros deste quilate, para fingir que as coisas estavam mudando. Apoiando CUba, Irã, Bolóvia e Chavezland atenderam os anseios dos fumadores de maconha do PT.

lula sabe, lula diz: "Só tiro o Tuma se vier um fato novo". O único fato novo que não apareceu seria, hipoteticamente, o suposto envolvimento do sujeito em genocídios. O cara é amigão do peito do maior contrabandista do país. No mínimo suspeito. No máximo conivente.

A justissia é bizarra. Um procurador da república, sabe-se lá o que quer dizer esta merda, declarou que acha que a pena de 94 anos para os donos da daslu exagerada. "Nem o Marcola pegou essa cana dura", declarou um aspone causídico em off para nosso analista jurídico GlÊnio Gangorra. Faz sentido.

Dia do fico, 7 de maio de 2010: 'Tirem o cavalo da chuva. Não vou sair', afirma Tuma Jr. (sou sagaz)

O twitter é um circo. É um desafio sacanear tantos com tão poucos caracteres. Mas até que estou me virando bem. Sigam @jusindignatus.

quinta-feira, maio 06, 2010

Roubamos descaradamente
Trabalhamos muito pouco
Necessitamos mais de trouxas
Que de ética.
Mais de empreiteiros e paraísos fiscais
Que de inteligência.
Sem isso,
Nossa vida se tornará estéril e
todo o caixa 2 se perderá.

Um político venal e fisiológico confidenciando ao Jus Indignatus

(adaptado de um texto de Charles Chaplin)

quarta-feira, maio 05, 2010

Divulgando email recebido que achei muito interessante.

O Hospital Mário Penna em Belo Horizonte que cuida de doentes de câncer, lançou um projeto sensacional que se chama "DOE PALAVRAS". Fácil, rápido e todos podem doar um pouquinho. Você acessa o site www.doepalavras.com.br escreve uma mensagem de otimismo, curta (como twitter) e sua mensagem aparece no telão para os pacientes que estão fazendo o tratamento. É bela a reação de esperança de muitos dos pacientes. Participem, não apenas hoje, mas sempre que puderem, doem um pouquinho das suas palavras e de seus pensamentos.

terça-feira, maio 04, 2010


Quando saiu a prioridade nas vacinações fiz esse post AQUI. Mas como bom cidadão, ainda, do bem atendo, sem jabá, a um pedido do ministério da saúde e do sexo saudável e divulgo a campanha de vacinação contra a gripe H1N1.

Veja se você faz parte de algum grupo a ser vacinado AQUI.

"Hospital libera primeira imagem de transplante completo de rosto."


segunda-feira, maio 03, 2010

Ontem o PT mineiro teve sua convenção para escolha do candidato ao governo estadual. Não seria nada demais se a preferência de lula não fosse pelo ex-ministro das comunicações hélio costa. O que se supõem é, finalizado o escrutínio, o vencedor petista partirá para o $enado. E como ficariam as bases? Desamparadas? Rancorosas? Perdidas? Nada disso, as bases, cegas, surdas, mudas e lobotomizadas, vão votar em quem mandarem.

Como toda eleição, esta também terá seu quinhão de "famosos". Ex-BBB's, funkeiras e atletas estão afiando as garras para se agarrar na bocada que é um mandato político. A mulher-melão é candidata, além de romário, edmundo e vampeta. Mas o exemplo mais emblemático é o ex-BBB Kleber Bambam. Almejando a pocilga estadual, se comprometeu a pegar dicas com seu cunhado, veterinário, o que por si só já é uma piada pronta, e, também, a fazer um curso para político. Eu não sabia que presídios abriam as portas para não-apenados fora do horário de visitas.

Quem irá pagar as viagens post-presidência do lula?

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics