sexta-feira, setembro 03, 2010


Está explicado o longo silêncio do mantega em relação ao parelhamento da receita federal em prol de "aloprados", novos e antigos.

Como o governo tinha que consolidar a tese de que uma "quadrilha" vinha atuando, dentro da receita, quebrando e vendendo sigilos fiscais, o famigerado pau mandado saiu-se com essa: "Quantidade de sigilos quebrados foi muito maior". Leia AQUI.

mantega não cogita em demitir o comandante daquele antro, antes tão renomado e impávido colosso. "Isso só será feito com ordens expressas do presidente", confidenciou um aspone, em off, ao nosso comentarista político Glênio Gangorra.

E assim vamos caminhando, em direção ao bolivarianismo tupiniquim.

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics