quinta-feira, abril 08, 2010

O que se vê no desabamento do morro do Bumba é chocante. Saber que a comunidade foi construída sobre um lixão, literalmente, é bizarro. E as autoridades urbanizarem uma pocilga chega às raias do inacreditável. O ministério público vai cair de pau, espero.

Mas o que me chamou a atenção foi o relatório do tCU. Sem desmerecer o povo baiano, mas não é estranho que 37% de toda a verba destinada à prevenção de enchentes, deslizamentos e outras catástrofes, tenha sido justamente alocada na Bahia? Será que o burocrata baiano é mais ágil que os do resto do Brasil, incluindo-se cariocas, paulistas e catarinenses? É um acaso que o ex-ministro da integração xpto do (des)governo, Gedel Vieira, do Partido Me Dei Bem, seja candidato ao governo da Bahia?

O esculacho e escancaração é tão evidente que ficou risível o esperneio de Lula, se fazendo, mais uma vez, de coitadinho: "Estão usando a desgraça politicamente", ou algo assim, vociferou. Deveria ter tido a hombridade de, no mínimo, ficar com sua bocarra fechada para variar.

Cabral, em sua sabedoria malemolente, declarou: "É uma catástrofe humana". Não Pedro Bó, é bovina!!

Quero ver qual será a justificativa dos governantes do Rio e Santa Catarina para apoiar a candidatura de dilma.

A conferir.

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics