terça-feira, março 16, 2010

Como todo país venal que se preze, será adotada uma política de vacinação, contra a gripe suína, de acordo com as máximas prioridades internas que norteiam o ideário social do (des)governo. Os primeiros a serem vacinados serão os governantes e seus familiares, em todos os níveis, federal, estadual e municipal. Em seguida os nobre$ repre$entante$ do povo, seus familiares, aspones e familiares de aspones. Como precisam se proteger dos azares da vida, em seguida serão vacinados os amigos dos amigos, isto é, todos os empresários que bancaram, bancam e bancarão as campanhas, com caixa 2 ou não, e, é claro, seus familiares, todos eles, até o primo de 500º grau. Médicos e outros profissionais da saúde só se forem filiados ao PT.

O que sobrar será liberado, para a população que paga a conta, mediante um pequeno e módico jabá. Se não sobrar será realizada uma ampla e honesta (i)licitação para compra super-faturada de placebo.

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics