segunda-feira, maio 11, 2009

Cesare Battisti, suposto terrorista e assassino condenado, que se esconde sob o manto da indulgência brasileira com supostos "exilados" políticos, ameaça se suicidar caso seja extraditado para a Itália. Nosso comentarista político, Glênio Gangorra, conversou com autoridades brasileiras e italianas sobre esta ameaça. "Ele estaria fazendo um favor para nosso governo cometendo suicídio", comentou um aspone do ministério das relações exteriores, que não quis se identificar. "Sta facendo un favore per l'umanità", declarou uma alta autoridade italiana.

Está esperando o quê?

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics