terça-feira, maio 19, 2009

Onde estou. Estou agora no aeroporto de Confins, que tem o nome mais apropriado para um aeroporto que fica lá na casa do caralho do planeta. Aguardo o embarque e lendo as notícias do dia.

Minas Gerais. Achei Belo Horizonte do cacete. O mercado central, apesar de não se comparar ao municipal de São Paulo, é um show para o olfato.

Progressão. O assunto jurídico do momento é: Suzanne Atchinmtoff deve progredir para o regime semi-aberto ou permanecer na jaula, submetida a sessões BDSM, da penitenciária? O Jus Indignatus recebeu a seguinte opinião de um renomado jurista, que quis permanecer anônimo, pelos motivos óbvios: "Ela terá que se submeter, no bom sentido, a um exame criminológico, que é a única forma de se comprovar se um apenado, ao progredir de pena, apresenta riscos à sociedade". Se a justiça realiza exames para progredir prisioneiros, essa porra desse exame deve ter sido elaborado por um apenado.

Alerta. Cientistas gregos descobriram: O consumo excessivo de refrigerantes pode causar taquicardias, fraqueza nos ossos e paralisia muscular, entre outros problemas de saúde. "O bom mesmo é o ser humano consumir óleo de oliva grego legítimo", considerou um importante estudioso da Academia de Ciências da Grécia.

Tecnologia. Nova tecnologia de SMS melhora comunicação de emoções. Um cientista finlandês, que se formou na Inglaterra, desenvolveu e patenteou um sistema que permitirá aos usuários de telefones celulares expressarem suas emoções mesmo em curtas mensagens de texto. Acredito que o nobre cientista esteja atrasado em sua patente. Por exemplo, atualmente, sem mecanismo patenteado nenhum, você pode mandar um cidadão, de qualquer local do planeta, tomar no meio do olho do cu, e ele vai entender direitinho.

O petróleo é nosso. Mas e quanto ao destino da grana na estatal?

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics