quinta-feira, dezembro 04, 2008

Humildade definitivamente é algo que passa ao largo do Avaí, time catarinense que subiu para a 1ª divisão do futebol brasileiro em 2009.

Depois de uma bela campanha, meritosa, começou a bizarrice. Primeiro foi uma campanha em outdoors "Arte tem A, A de Avaí", "Série A tem A, A de Avaí" e por aí vai. Não satisfeitos resolveram lançar um livro comemorativo do feito. E, completando a bisonha comemoração, li que vão lançar um filme sobre os bastidores da campanha vitoriosa. Imagino o sinistro roteiro...

Intrigante, o atual presidente levou 8 anos para conseguir colocar seu time na série A. Mais ou menos o mesmo tempo de vida do time de Barueri que também subiu. O Avaí ficou em 3º lugar na tabela de classificação. Afinal, estão comemorando o que?

Abscesso, AVC, Artrite, Arterio-esclerose, Absorvente, AIDS, Abacaxi, Abobado... todas também começam com A, A de Avaí?

Sim, sou um escroto.

Dos comentários: Esse negócio de subir para a elite sobre à cabeça dos times. O corinthians queria fazer um dvd no estilo "Batalha dos Aflitos". Só que, convenhamos, a série B, neste anos de 2008 foi de dar sono em estátua. DVD??
Livro? Para que matar "árveres" para uma coisa tonta dessas! E tem mais: festejar a subida para a elite do futebol não é coisa que se comemore, assim, com essa publicidade toda. É como comemorar o retorno do funcionamento normal do intestino. E olha que meu time já andou penando no purgatório da série B. Maria Eddy

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics