sábado, dezembro 06, 2008

Uma ONG entrou com uma ação contra a construção de uma hidrelétrica na Amazônia (i)legal. Não seria nada mais que a obrigação deles, como ONG ambientalista, se o escritório de advocacia usado na ação não fosse o mesmo que o da Odebrecht. "Nossa motivação é estritamente a defesa do meio ambiente e das populações amazônicas", declarou alguém da ONG que não quis gravar entrevista com nosso enviado especial ao inferno verde.

Por acaso a Odebrecht perdeu a licitação desta obra para a "arqui-inimiga" Camargo Correa. E vale lembrar que é a mesma empresa pivô do rolo com o eCUador.

Intrigante.

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics