domingo, outubro 26, 2008

Olha como a vice-candidata na chapa republicana é legal. Há dois anos, foi a uma região produtora de salmão e praticamente um santuário. Teceu loas, babou o ovo enfim.
Declarou seu repúdio a um projeto que colocaria em risco o mais fértil local de acasalamento de peixes do mundo.

Isso como candidata ao governo do Alasca.

Mas, ao ganhar a eleição, abriu caminho para a criação de uma mina, uma das maiores do mundo. Lembra muito o famoso "Read my lips: no new taxes", do Bush pai.

Scalping Marta. Em seu discusso após a vitória de Kassab, José Serra sacaneou Marta e Lula. Diversidade e luta contra o monopólio.

Sinking Rio. Com a vitória apertada de Eduardo Paes e com a ajuda do governador e do presidente brasileiro, o Rio de Janeiro irá, definitivamente, bater no fundo do poço, se é que tem fundo.

Votei. Sim, cometi esse pequeno pecado capital. Votei no 69. "Se a política é uma putaria que pelo menos tenha uma posição justa", mago esotérico oportunista, Heitor Caolho.

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics