domingo, agosto 03, 2008

Morreu ontem a menina Marcela, o bebê que nasceu "anencéfala" em 2006. Entre aspas porque na verdade tinha o suficiente para manter o mínimo de funcionamento do corpo. Seu nascimento foi considerado um "milagre" por grupos religiosos. Viveu cercada de atenção e de equipamentos, custeados sabe-se lá por quem.

Se o ser humano tem alma, imagino o sofrimento que esta deve ter passado.

Fazer caridade com o dinheiro dos outros é muito, muito fácil.

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics