quinta-feira, julho 17, 2008

Sabrina Boing-Boing aumentará suas tetas, digo seios, após sair na Playboy. Irá alcançar a marca de 2 litros de silicone em cada um. Um pouco menos que as tetas, digo seios, recordes da "modelo" brasileira Sheyla Hershey, são 2,2 litros em cada lado. Graças aos gigantescos peitos, Sheyla foi convidada a um reality show, a pedido da rede CBS, para mostrar (??) como chegará a ostentar os maiores seios artificiais do mundo. (quem quiser ver essas aberrações cliquem nos links)

Por falar em tetas. O $enado voltou atrás na contratação de 91 aspones a peso de ouro, sem concurso. "Não nos sentimos pressionados pela sociedade, suspender a mamata foi uma decisão ponderada e magnânima", disse, com exclusividade ao Jus Indignatus, um importante membro daquela pocilga.

Preocupa o ministro do meio-ambiente dizer que o aumento recorde, fora de época, do desmatamento da Amazônia (i)legal está abaixo das expectativas. Fico imaginando qual é a previsão.

Cacciola pediu isonomia. "Nenhum dos outros envolvidos está preso, por que meu cliente tem que ficar enjaulado?", teria dito o "adevogado" do "banqueiro". Além de abatido com a prisão (tadinho dele) diz que nunca foi foragido. Pela ótica distorcida até que tem razão, na Itália ele não é foragido.

Como pode mais quem chora mais, o casal Nardoni pode ser liberado mediante "habeas corpus". "Eles só mataram uma simples criança e estão presos. E os outros que, com desvio de dinheiro, mataram dezenas ou até centenas de pessoas, estão soltos. Eles querem isonomia", teria dito um importante jurista, com exclusividade para o Jus Indignatus.

O PT briga com o PT, o PSDB briga com o PSDB, o DEM não se entende, nem o PMDB. A justiça também briga, entre eles e com o poder executivo. Até a Polícia Federal briga internamente. E quem paga a conta dos estragos somos "nozes". Isso aqui virou sallon de faroeste, de quinta categoria.

E por falar em faroeste. O que está acontecendo no Rio é a cristalização da definição de barbárie. Não é possível que o cidadão tenha medo mais da polícia do que dos bandidos. Caralho.

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics