quinta-feira, julho 10, 2008

Não durou nem 36 horas a prisão de Daniel Dantas. O pior, a operação foi realmente pirotécnica. Supostamente são só indícios as acusações.

Um estado absolutista deve ter uma polícia atuante. E desmoralizar os outros poderes. O legislativo não precisa de ajuda. Já o judiciário vem sendo sistematicamente desmoralizado exatamente por cumprir a lei. Para o cidadão comum o que parece é que a justissia é conivente com as falcatruas.

Aguardemos os próximos capítulos, mas se os magnânimos juízes, em seus palácios, não fizerem nada, logo chegaremos ao estado policial, tão ansiado pelos bolivarianos que sentam suas bundas socialistas escocesas nos gabinetes do planalto.

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics