segunda-feira, junho 23, 2008

Viviane Araújo, depois de liberar geral por 9 anos, está na dúvida se libera o seu nome para um filme sobre a vida do seu ex-noivo, o Belo. Cogita-se que o ator Wagner Moura faça o papel do pagodeiro e que a atual noiva, a também gostosíssima Gracyane, fará duplo papel, como Viviane e como ela mesma.

Tirando os que gravitam ao redor do MinC, facilitando o acesso à grana da Lei Rouanet, a quem interessa isso? Será que o capitão Nascimento pedirá para sair ou irá pagar, isto é, receber esse monumental mico?

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics