terça-feira, dezembro 11, 2007


Trago, de boa vontade, uma oração sublime que gostaria de compartilhar com todos os caminhantes de fé, neste momento tão importante, o natal.


Ó Divino Nirvânico!

Diante do Natal, que nos lembra a confraternização entre povos e os ricos de espírito, nós te pedimos: a música da oração dialética; o regozijo da fé oportunista; a mensagem de amor tântrico; a alegria do chateau abastecido de inúmeras garrafas de vinho francês; o apelo à fraternidade e a doação ilimitada de recursos financeiros; o júbilo da esperança no mercado de ativos de alto risco; a benção do trabalho esotérico; a confiança no acúmulo de bens materiais e intangíveis, como fundos de investimento; o tesouro inestimável de tua paz, que permite que os negócios floresçam e se desenvolvam; a palavra da Boa Nova; e a confiança no futuro dicotômico! ...

Entretanto, Ó! Divino Nirvânico, de corações voltados para o teu coração, nós te suplicamos algo mais! Concede-nos, o dom inefável e oportuno da humildade para que tenhamos a precisa coragem e jogo de cintura para seguir-te os exemplos de arrecadação!

Sua benção holística!


Saudações

Mago Heitor Caolho

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics