sexta-feira, dezembro 07, 2007

Não entendi. Lula acenou um aumento do repasse do dinheiro, arrecadado com a CPMF, para a "saúde". Lendo a nota achei que, dos 0,38%, 0,20%, em valores absolutos, eram repassados. Mas o final da nota me levou a crer, seguindo o raciocínio absoluto, que nosso apedeuta-mor pretende elevar para 0,30% ou ainda 0,40%.

O que Lula queria dizer:

1) Irá aumentar o valor da alíquota?

2) o valor repassado é tão irrisório que chega a dar pena (em valores relativos, pelas minhas contas, somente R$ 30,4 milhões são repassados dos R$ 40 bilhões)?

3) Ele não faz a menor idéia do que estava falando?



Faltam 25 dias...

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics