domingo, outubro 07, 2007

Encerrada a festança de filiações partidárias, seguem exemplos do quilate de candidatos às câmaras de tolerância municipal para o pleito de 2008:

O cantor Rafael Ilha (ex-grupo Polegar). "Sim, aquele que ficou viciado em crack),
O "apresentador" Sérgio Mallandro,
O "estilista" Ronaldo Esper. (Esse já tem o expertise em furto),
A "jurada de programa de calouros" Marly Marley, mulher do humorista Ari Toledo. (Isso pra mim é nome artístico de traveco),
A "modelo e empresária" Renata Banhara, foto abaixo, que se filiou após convite do ex-marido, o cantor de forró e deputado federal Frank Aguiar. (Pelo jeito ela banhou muito bem o marido).



A "cantora" Gretchen para a Prefeitura de Itamaracá,
A "ex-chacrete" Rita Cadillac deve disputar uma vaga na Câmara de Vereadores de Praia Grande,
O "drag queen" Léo Aquilla, que disputará uma vaga na Câmara de Vereadores de São Paulo.

Mas o melhor que li foi uma chamada de capa, de uma revista de fofoca, que dizia algo assim: "Se o Lula conseguiu eu também consigo". Sábias palavras proferidas pela Sabrina Sato.

Todos tem um excelente CUrriculum político, social e engajado para representar muito bem a brava gente brasileira.

VTNC.

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics