domingo, setembro 23, 2007

Uma atriz, que estréia um filme onde faz um papel de puta, diz que a interpretação de outra atriz, que também faz papel de puta em uma novela, é fantástica. "Estamos entrando em um novo patamar interpretativo. É um grande exemplo social e um modelo a ser seguido", comentou.

Você, que é pai e mãe, não gaste seus parcos caraminguás comprando livros de física, química, história ou português. Invista pesado no manual profissionalizante produzido pela Bruna Putistinha e façam seus filhos profissionais bem-sucedidos.

Esse é um país de futuro. PQP

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics