quinta-feira, março 01, 2007


A despeito do faturamento de US$ 70 bilhões com petróleo, a Venezuela, do pequeno Fidel, passa por uma crise econômica. Com inflação anual perto dos 20% e desabastecimento de produtos de primeira necessidade, caminham para a sarneirização. Um pequeno Plano Cruzado está em curso. O governo pseudo-cubano tabelou os preços dos produtos e esbraveja contra os comerciantes e industriais que não estão se adequando aos novos tempos. "Só por que eles tem prejuízo não justifica sumir com os produtos essenciais para a vitória bolivariana", teria dito Fidelzito. Com o desabastecimento, Chávez ameaçou estatizar açougues, supermercados e quitandas. Como não tem espelho em seu palácio acusa o governo dos EUA de sabotarem a revolução bolivariana. "Os grupos econômicos tem que se convencer que a situação é outra. Estamos lutando pelo bem estar social do povo. Estamos no meiuo de uma luta de classes", disse um dirigente daquele país.

Em resumo, tablita, boi no pasto e fiscal do Sarney. Já vimos este filme antes e conhecemos o seu final. Sarney é uma eminência parda no (des)governo petista, mas daí exportar seu "expertise" econômico é demais. Um adendo, apesar da crise o governo venezuelano continua a bancar a ajuda a países mais pobres da américa latrina.


Tem post novo do esotérico Heitor Caolho.

Estou participando do Blog da Quinzena promovido pelo BlogNews. Dêm uma força clicando no banner ao lado. Obrigado.

Não deixem de ler o blog do Movimento Evolução. Participem do fórum, cliquem aqui

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics