segunda-feira, fevereiro 26, 2007


Estamos com, como citou apropriadamente um jornal gringo, de chiqueiro novo. Os já ricos e novos-ricos. O novos, pelo jeito e pelo uso de verbas indenizatórias, já foram seduzidos. O poder seduz e corrompe. A grana fácil mais ainda. Ou então deve ser quebra de decoro parlamentar protestar, e mudar, a forma de agir, indecorosa, das casas que deveriam representar o interesse do povo. Os nobres DePUTAdos e $enadore$, ao longo dos anos e, justiça seja feita, desde que o Brasil é Brasil, conseguiram criar uma tal descrença em sua seriedade que alguns fatos, aventados no início do segundo suplício, me levam a pensar que estamos no limiar de termos uma situação pior que na época da ditadura. A pá de cal seria rasgar a constituição brasileira, esse repositório de anacronismos mas que é a lei maior. Dois fatos são preocupantes. O primeiro, motivo dessa blogagem coletiva, é a anistia ao José "Golbery" Dirceu. Foi cassado. Deu. Vai "adevogar" ou fazer o que lhe apeteça. Continue nos bastidores se assim desejar. Mas cuspir na nossa cara, não. O segundo é a hipotese da pocilga dar o direito, ao Lula, de convocar plesbicitos e referendos sem aprovação da casa. Como os próprios representantes do povo se encarregam de queimar o filme não duvido que logo, logo serão defenestrados e a pocilga fechada. Urge mudar este estado de coisas. Fiscalizarmos. Denunciarmos. E lutar para que a democracia brasileira não seja solapada em detrimento de exemplos, da pior espécie, que são dados por nosso vizinho megalomaníaco.


Aos que participam desta blogagem peço que deixem o endereço de seus blogs lá no Movimento Evolução. Iremos listar todos que contribuiram com esse primeiro ato. Queria agradecer ao Roque Sponholz e ao Tunico que gentilmente cederam as imagens aqui publicadas.

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics