segunda-feira, agosto 14, 2006

Leio no Globo Online que o Ministério Público prepara ação contra o Orkut. A razão é a criação de comunidades com conteúdo criminoso, como por exemplo, incitação ao ódio racial e pedofilia. Já está rolando um imbroglio, pois a Google só admite receber intimações na matriz, nos EUA. Como os crimes são praticados no Brasil, por brasileiros, um dos procuradores destacou que é "inadmissível que uma empresa venha para o Brasil ganhar dinheiro blábláblá. É preciso tomar providências para que as ordens judiciais sejam cumpridas".

Quem dera que o mesmo apetite voraz em fazer a lei valer, processando uma empresa estrangeira, fosse aplicado nas pilantragens que são praticadas no (des)governo. Como Lula disse, com certeza com conhecimento de causa, "ainda vai aparecer muita corrupção nesse país". Tomara que os procuradores dêm conta.

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics