domingo, agosto 13, 2006


Ajudai-me, Senhor, na missão de pai, porque é difícil e pesado o encargo de sustentar a família e dar-lhe o bem-estar e a tranqüilidade; e é quase heroísmo ser alegre com os familiares quando pesam as preocupações pessoais e os problemas da profissão.

Ajudai-me, Senhor, na missão de pai, para que eu realize o diálogo com meus filhos. Que eu seja aberto para ouvir, humilde para propor, sábio para decidir e co-responsável para realizar.

Ajudai-me, Senhor, na missão de pai, para que eu saiba descobrir os valores e os talentos de meus filhos; e os ajude a desenvolve-los. Saiba corrigir com amor, sem destruir, nem humilhar.

Ajudai-me, Senhor, na missão de pai, para que eu defenda a dignidade do meu lar contra a imoralidade atrevida e a permissividade tentadora, vivendo e construindo um lar feliz.

Ajudai-me, Senhor, na missão de pai, para que eu saiba dar valor à experiência sem me prender ao passado, saiba ser moderno e atualizado sem ser superficial e vazio; e conserve bem viva a vontade firme de acertar.

A todos os meus amigos, blogueiros ou não, um dia dos pais recompensador. E que consigamos isolar nossos filhos dos exemplos infelizes de que somos testemunhas e possamos torná-los cidadãos de bem.

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics