segunda-feira, maio 01, 2006

Achei ótima a capa da Veja desta semana. Apresenta o pré-candidato do PMDB, Anthony Rosinho, com dois chifres do demonho. E ele é. Apesar de todo o esforço em se fazer envagélico, o sujeito é o cão. Só quem mora, ou morou, no Rio pode dizer que tipo de político ele é. Agora sai com a novidade de fazer greve de fome. Com aquela cara de porquinho da índia que tem, ele deve estar se aproveitando de alguma dieta para mandar essa pérola. Coisa bizarra. E com aquele bom senso que lhe é peculiar diz que "Todas as articulações (de denegrir sua imagem) neste sentido são patrocinadas pelo sistema financeiro, os bancos e a grande mídia, liderada pelas Organizações Globo e pela Revista Veja, com o indisfarçável incentivo do governo Lula". Caramba, se ele fosse pro segundo turno com o Lula, me desculpem, mas voto no Lula. Prefiro um bêbado conhecido do que um alcoolatra anônimo.

Esse discurso, manjado, do Rosinho me parece muito com os do Maluf não acham?

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics