domingo, março 12, 2006

Mal chegou de Londres o seu presidente já pegou outra boca livre internacional e foi assistir a possa da nova presidenta chilena. Com tantas viagens era de se esperar que o Brasil esteja muito bem na foto no cenário internacional. Nossos industriais deveme estar exportando como nunca. Pelo menos os da cachaça sim.

E como não podia deixar de ser Lula, sob efeito do famoso vinho chileno, por quê só acredita que ele está sem beber quem quer, mandou mais uma de suas pérolas. Essa agora a respeito de uma possível coligação com o PMDB para as eleições presidenciais. Como o PMDB ainda não decidiu se apoia outro partido, ou lança candidato próprio, logo vem o brilhante raciocínio: "Nem sempre a totalidade do partido segue a orientação da direção, porque não temos no Brasil partidos nacionais" (fonte site do Terra). O PT não é nacional, nem o PSDB nem nenhum deles. Se a (i)lógica dele está correta temos uma zona político-partidária onde se aglutinam os picaretas em torno de algum golpe comum. Se incorreta, elel continua demosntrando que não entende porra nenhuma de nada.

Fico pensando com os meus botões se o PMDB não vai perder a chance de eleger um presidente dado o cenário atual: PT enrolado, PSDB dividido, PFL agindo na surdina.

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics