segunda-feira, fevereiro 06, 2006

Não é só o empresariado que esperneia a respeito da alta carga tributária do Brasil. O FMI também mandou seu recado.

Será que agora o seu presidente vai acreditar?

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics