domingo, janeiro 22, 2006

O juiz-titular da Vara da Infância e da Juventude da cidade do Rio de Janeiro, Guaraci de Campos Vianna, disse, em entrevista à Folha que "O tráfico de entorpecentes tem uma política de primeiro emprego que o Brasil deveria ter para os seus jovens".

Faz sentido. De repente é isso que o (des)governo quer, transferir para a concorrência a responsabilidade pela geração de emprego, e, com isso, se envolver em coisas mais importantes como desviar verbas, fazer o caixa 2 para a campanha 2006 e não cumprir a promessa de 10 milhões de empregos.

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics