sexta-feira, janeiro 20, 2006

Depois de 5 meses descobrem que, antes de depor na CPI dos Correios, no dia 11 de agosto de 2005, o publicitário Duda Mendonça teria transferido R$ 4 milhões de sua conta pessoal no BankBoston para parentes e para uma de suas empresas. A obviedade da coisa é tamanha que fico pensando que o Duda "rinha de galo" Mendonça é mágico. Segundo fontes isso demosntra o medo do publicitário de ter seus bens bloqueados. (ah é, é?). Isso que eu chamo de investigação profunda.

Outra coisa estranha, para não falar em brutal sacanagem. Num dia em que a máxima registrada no Rio foi de 47,5, o ministro da Saúde foi recebido num ambiente agradável ocasionado por dez aparelhos de ar-condicionado, alugados por quatro horas, com dinheiro público obviamente, para recebê-lo no auditório do Hospital Municipal Souza Aguiar. Enquanto isso, médicos do lado de fora do auditório reclamavam do calor que fazia no centro cirúrgico e na emergência por causa de um defeito do ar-condicionado dessas unidades. Na emergência lotada, a única saída para pacientes era tentar refrescar o corpo com panos úmidos. A assessoria de imprensa do Ministro diz que ele nada sabia sobre o aluguel. Lula fez escola mesmo. Ou então, esqueceu do fato por que, a espelho do resto dos (des)governantes, ele não lê nem faz palavras cruuzadas.

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics