quinta-feira, setembro 15, 2005

O bravo e destemido Maluf continua fazendo das suas. Reclama que a comida da prisão não serve nem pra cachorro (imaginem o que os cães dele devem comer...), que o pobre do filho está sem comer pois precisa de dieta especial. E para completar fez uma comparação malufística, dizendo que seu calvário é 10 vezes maior que o de Jesus Cristo. Perseguido implacável e injustamente. Tadinho.

E um advogado, que não tem nenhuma relação com eles, entrou com um pedido de habes corpus. Imagino que, conseguindo esse feito, este nobre causídico queira mamar na teta.

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics