terça-feira, agosto 30, 2005

Um museu, criado e dedicado a não menos que Arnold Schwarzenegger, fechou suas portas por falta de dinheiro. Isso que eu chamo de surrealismo cultural. Quem, em sã consciência, iria perder seu tempo vendo aparelhos de ginástica, fotos e, quem sabe, as seringas usadas para injetar anabolizantes que o governador da Califórnia usou?

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics