segunda-feira, julho 11, 2005

Meus amigos não sou de repassar ese tipo de informação mas surgiu um novo golpe na praça e que temos a obrigação de estar atentos:

Depois do golpe dos rins e golpe do perfume temos o golpe da cueca. Os facínoras agem assim:

Ficam em grandes aeroportos internacionais à espreita de pobres e desavisados incautos do sexo masculino. Então se aproxima uma loira estonteante que coloca, sem a vítima notar, uma grande quantidade de laxante em sua bebida. Quando o incauto sujeito percebe já está com os intestinos a toda e, num refinamento do golpe, a vítima solta o clássico pum molhado levando, obviamente, a que ele corra urgentemente a um banheiro. Lá chegando, um solícito auxiliar de faxina diz que pode providenciar a limpeza da cueca rapidamente. Nesse momento troca-se a cueca por outra recheada de dólares, 100 mil para ser mais exato, e a pobre vítima embarca para seu destino sem perceber o golpe. Lá chegando, o processo se repete por que o pobre incauto é tolo a ponto de acreditar que duas gostosas vão dar mole no mesmo dia.

Então caros amigos, desconfiem de todas as loiras, morenas e afins estonteantes que por ventura se aproximem de você em aeroportos. É golpe!!! Divulguem isso a seus amigos

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics