quinta-feira, julho 28, 2005

Estava, novamente, matutando com meus botões. Me lembrando de que, quando era guri pequeno lá nas quadras de Brasília, muitos filmes marcaram época. Como, por exemplo, "O Exorcista" que na época foi uma sensação. O supra sumo do suspense religioso. Filas e filas para entrar e assistir. Lembor também do "Planeta dos Macacos" original. E por aí vai. Poderia escrever páginas e páginas sobre o assunto.

Mas um filme que chamou a atenção, na época, foi "Laranja Mecânica". Houve uma grande polêmica pois era de extrema violência e apresentava cenas de nudez explícita. A saída, que nossa sábia censura encontrou, foram as famosas bolinhas que cobriam as partes pudendas.

Esse filme relata as atividades de uma gangue, que tinha um vocabulário próprio e que cometiam as maiores barbaridades a troco de nada. Só para matar o tédio. Mais de 30 anos depois estamos aí. Um filme realmente profético.

Copyright 2010 Jus Indignatus por Ricardo Rayol*template e layout layla*
Clicky Web Analytics